MarKZonE

The past is a full box of lost chances.

Archive for Abril, 2007

Culturalmente, Usos, Costumes e Tradições

Posted by António Cabral em 25/04/2007

ranchofolporto_048.jpg 

Hoje tive o prazer de fotografar um evento do Rancho Folclórico do Porto que actuou na Cripta da Igreja do Marquês. Neste grupo, onde actua o meu bom amigo Torcato que fez o favor de me convidar, pleno de jovialidade e dotes artisticos que me deixaram e ao resto da plateia absolutamente maravilhados. Deixo aqui o meu apreço pelo trabalho que estão a desenvolver ( www.ranchodoporto.net ) e algumas fotos do evento de hoje 25 Abril 2007 http://picasaweb.google.com/cabralant/RanchoFolPorto.

CASO PRETENDAM ALGUMA FOTO BASTA SOLICITÁ-LA NA ZONA DOS COMENTÁRIOS E SERÁ ENVIADA POR MAIL

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Diploma, Licenciatura, Primeiro…, Politica? OTA?

Posted by António Cabral em 12/04/2007

Não posso deixar de colocar por aqui o meu dedo na ferida de toda esta ?(h)i(e)stória?, sejamos honestos e objectivos:

1 – Não restam dúvidas que o nosso Primeiro é mesmo licenciado,

2 – Se restarem, só resta a quem tem dúvidas pedir uma investigação, já agora à Dr.ª Maria José Morgado,

3 – Engenheiro ou não já será outra história, ou não

4 – JÁ ALGUÉM REPAROU QUE NÃO SE FALA DA OTA? SÓ DO DIPLOMA!!!!! DAHH

JÁ AGORA, QUE REQUESITOS SÃO NECESSÁRIOS PARA SER:

Primeiro?     Ministro?     Secretário?     Sub-Secretário?

Alguém me diz? Pelo que dizem os comentadores breve chegará o dia em que ser Doutor e/ou …. só irá estorvar na carreira…ao que chegamos por um mau serviço prestado.

Posted in IPAM, Notícias | Leave a Comment »

Marketing Viral, B2B campaign

Posted by António Cabral em 11/04/2007

Para promover os seus produtos multifuncionais a cores a nível Europeu a Xerox resolveu utilizar uma campanha de marketing viral. A mensagem principal é: “…there are better ways to make your office productive than the way introduced in this amusing viral.”

Juntamente com a agencia crativa RKCR/Y&R e a agencia de media Mediaedge:cia a Xerox não teve receio de o fazer e os resultados falam por si.

O resto da noticia do Go Viral ( http://goviral.com/):

Xerox – Extreme Offices

We are often asked whether viral marketing can be used for B2B advertising. The answer is most definitely “Yes!” Many professionals are weary to venture down this road since viral marketing is often perceived as a social platform. Xerox definitely was not afraid to do so, and the results speak for themselves. On March 5th, Xerox launched a pan European campaign promoting their colour multifunction products. The main message was that there are better ways to make your office productive than the way introduced in this amusing viral. Xerox, together with creative agency RKCR/Y&R and media agency Mediaedge:cia, have created a targeted and fully integrated campaign using a clever mix of media – drawing on the benefits from print, radio and online. By introducing viral for the first time, they aimed at building the Xerox brand amongst senior decision makers, as well as driving brand re-appraisal.We seeded the campaign on March 5th and within the first month the viral has already produced approx. 1,500,000 views, and of these more than 50 percent originating from the primary target countries Germany, France and
UK. Not “Dynamite Surfing” in numbers but most certainly spectacular for a B2B campaign – especially in terms of traffic lead to the landing page and from there on to other Xerox pages.

Posted in IPAM, Video | 2 Comments »

Reflexo Condicionado – Ivan Pavlov

Posted by António Cabral em 05/04/2007

pavlov2.jpg No final do século XIX e no início do século XX, um fisiologista russo chamado Ivan Pavlov (1849-1936), ao estudar a fisiologia do sistema gastrointestinal, fez uma das grandes descobertas científicas da atualidade: o reflexo condicionado. Foi uma das primeiras abordagens realmente objetivas e científicas ao estudo da aprendizagem, principalmente porque forneceu um modelo que podia ser verificado e explorado de inúmeras maneiras, usando a metodologia da fisiologia. Pavlov inaugurava, assim, a psicologia científica, acoplando-a à neurofisiologia. Por seus trabalhos, recebeu o prêmio Nobel concedido na área de Medicina e Fisiologia em 1904.
pavlovdog.gif

Para que surja um reflexo condicionado é preciso que existam certas condições:
 

  1. coexistência no tempo, várias vezes repetida, entre o agente indiferente e o estímulo incondicionado (no caso, o som da campainha e a apresentação da carne);
  2. o agente indiferente deve preceder em pouco tempo o estímulo incondicionado. Se dermos a carne primeiro e tocarmos a campainha depois, a reação condicionada não se estabelece;
  3. inexistência naquele momento de outros estímulos que possam provocar inibição de causa externa. Se simultaneamente damos uma chicotada no animal ou lhe jogamos água gelada, provocamos inibição, desencadeando reação de defesa no animal;
  4. para que o reflexo condicionado se mantenha, é necessário que periodicamente o reforcemos. Uma vez que o reflexo se formou, o mero som da campainha substitui a apresentação da carne. Mas, se tocarmos repetidamente a campainha e não mais apresentarmos a carne, depois de um certo número de vezes o animal deixa de reagir com salivação e secreção digestiva.

Artigo de: Júlio Rocha do Amaral e  Renato M.E. Sabbatini, PhD, artigo completo em http://www.cerebromente.org.br/n09/mente/pavlov.htm

Posted in 1ºAno, IPAM | 2 Comments »

Mercado Automóvel Portugues, Dados

Posted by António Cabral em 01/04/2007

simboloipam.jpg Caros colegas podem fazer o download dos dadosacap.jpg sobre o mercado automóvel português para os anos de 2004, 2005 e 2006. Para tal bastará entrar no endereço abaixo, se ainda não tiver sido convidado e pretender ser, agradeço me envie o seu mail afim de o colocar na lista de acesso:

http://www.esnips.com/doc/e2ddf308-d6ba-4a62-bdb3-91c4bff1b6fe/Mercado-Automóvel-2004

http://www.esnips.com/doc/93802d89-3f0d-40a3-8767-ab37d042fd72/Mercado-2005

http://www.esnips.com/doc/e12ced99-e64c-418f-b68c-abe328f159fd/Mercado-2006

Posted in 1ºAno, IPAM | 1 Comment »